PF deflagra operação contra pornografia infantil em Xangri-Lá

Ação visa reprimir o compartilhamento de arquivos com conteúdo de abuso sexual de crianças e adolescentes

A Polícia Federal deflagrou, nesta quinta-feira (12/5), a Operação Ad Sumus III, que investiga a produção e o compartilhamento, através da internet, de mídias contendo imagens de abuso sexual de crianças e adolescentes.

Policiais federais cumpriram dois mandados de busca em Porto Alegre e Xangri-Lá, locais onde foram apreendidos equipamentos que serão periciados. Na diligência de Porto Alegre, um estudante, de 21 anos, foi preso em flagrante pelo armazenamento de conteúdo contendo imagens de abuso sexual de crianças e adolescentes.

O nome dado à ação remete à frase “aqui estamos” em latim, a fim de passar a mensagem de que o monitoramento desse tipo de crime é constante pela Polícia Federal.

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Rio Grande do Sul

COMPARTILHAR