APÓS ENCONTRO LEITE RECONHECE SITUAÇÃO CRÍTICA DO ESTADO

Governador Sartori recebeu nesta manhã o governador eleito Eduardo Leite para o processo de transição. A Folha do Litoral

Depois do encontro do governador José Ivo Sartori , com o governador eleito Eduardo Leite nesta manhã de segunda-feira (5) no Palácio Piratini,  Leite reconheceu a “situação dramática” das finanças do Estado e disse que aguarda “diagnóstico apurado” para “identificar objetivamente” em que condições receberá o caixa. Mas que o compromisso de campanha de pagar em dia o funcionalismo , esta mantido.

” Sabemos das graves dificuldades do Estado do Rio Grande do Sul. Não é segredo. Nós nunca entendemos como algo inventado. É real a situação dramática nas contas do Estado. Agora, no processo de transição, vamos ter o diagnóstico apurado para identificar objetivamente em que condições vamos assumir o Estado — ponderou Leite”.

E completou:

” Temos um compromisso firmado com a população, em especial com os servidores, mas não é apenas com eles. Entendemos que, para a boa prestação de serviços públicos para a população, o salário dos servidores têm de ser colocados em dia”.

Quando perguntado sobre o acordo do Estado com a União, sobre  a adesão ao programa de ajuste, Eduardo Leite relatou já ter conversado com o futuro chefe da Casa Civil do governo de Jair Bolsonaro (PSL), Onyx Lorenzoni (DEM), e disse que está agendando reunião para os próximos dias para aprofundar o diálogo – ressaltando que Lorenzoni “é um deputado da nossa terra” e “conhece bem a nossa realidade”.

” Vamos acompanhar as negociações, e há um compromisso do atual governo de nos reportar isso para que possamos achar a solução conjuntamente para esse período. O que nós pedimos foi que nos mantivesse a par do andamento das negociações”.

O governador eleito deve participar de um curso de gestão na Fundação Lemann, na Universidade de Oxford, em Londres. O curso, segundo ele, terá nove dias de duração, a partir do dia 23 de novembro.

COMPARTILHAR