Suspeito que se apresentava como árbitro de futebol é preso pelo crime de estupro

Preso por estupro - Foto: Polícia Civil

A Polícia Civil, na manhã desta terça-feira (12), por meio da 2ª Delegacia de Polícia de Sapucaia do Sul, prendeu preventivamente um homem de 45 anos pelo crime de estupro. As investigações se iniciaram a dois meses, após as denúncias das vítimas sobre os abuso do árbitro.

Conforme a delegada Luciane Bertoletti, o indivíduo, que se apresentava como árbitro de futebol e professor, persuadia as vítimas a irem até a casa dele. “Com a promessa de conseguir trabalho para as vítimas, como assistente de árbitro, as convencia a irem até seu escritório, que na verdade, tratava-se de sua residência e lá praticava diversos atos com emprego de violência, consumando os estupros”, relatou a delegada.

Para o diretor da 2ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana (2ªDPRM), delegado Mario Souza, tratou-se de uma investigação com certo grau de complexidade, onde foi realizado coleta de provas que apontaram indícios de autoria e materialidade do crime sexual.“O enfrentamento aos crimes sexuais é prioridade”, concluiu o diretor.

Matheus Lima
Michel Fontana

Quer receber A Folha do Litoral no seu e-mail?

Cadastre seu nome e e-mail e receba a edição semanal do jornal A Folha do Litoral para ler no seu tablet, smartphone ou na web.

I agree to have my personal information transfered to MailChimp ( more information )

Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

COMPARTILHAR