RS Seguro deflagra Operação Império da Lei e transfere 18 líderes de facções para penitenciárias federais fora do RS

Ação envolveu mais 1,3 mil agentes, 306 viaturas e 7 aeronaves e teve participação de três secretarias do Estado e de outras 15 instituições das esferas estadual e federal Foto: Robson Alves/Brigada Militar

O governo do Estado executou nesta terça-feira (3/3) a maior ação planejada até o momento pelo Programa RS Seguro. Com a participação de mais de 1,3 mil agentes e o emprego de 306 viaturas, 7 aeronaves – seis helicópteros e um avião – e quatro embarcações, as secretarias da Segurança Pública (SSP) e da Administração Penitenciária (SEAPEN) deflagraram a Operação Império da Lei, que transferiu 18 detentos com posição de liderança nas principais organizações criminosas gaúchas para penitenciárias federais fora do Rio Grande do Sul. A ação contou com a participação de 15 instituições das esferas estadual e federal.

Foto:Robson Alves/Brigada Militar

Pelo RS, atuaram Brigada Militar (BM), Polícia Civil, Instituto-Geral de Perícias (IGP), Corpo de Bombeiros Militar (CBMRS), Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe), Ministério Público e Poder Judiciário. A Secretaria da Saúde apoiou com acompanhamento do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Pela União, a partir de determinação do Ministério da Justiça e da Segurança Pública para apoio do Departamento Penitenciário Nacional (Depen) e da Secretaria de Operações Integradas (Seopi), somaram-se esforços de Polícia Federal (PF), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Agência Brasileira de Inteligência (Abin), Exército, Aeronáutica e Marinha do Brasil.

Quer receber A Folha do Litoral no seu e-mail?

Cadastre seu nome e e-mail e receba a edição semanal do jornal A Folha do Litoral para ler no seu tablet, smartphone ou na web.

I agree to have my personal information transfered to MailChimp ( more information )

Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

COMPARTILHAR