Polícia Civil faz apreensão histórica de ecstasy

Agentes do Denarc (Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico) realizaram, na tarde de segunda-feira (27), no bairro Humaitá, na Zona Norte de Porto Alegre, a maior apreensão de ecstasy da história no Rio Grande do Sul. Foram encontrados 14,2 mil comprimidos prontos para distribuição e consumo.

Segundo informações divulgadas na manhã desta terça-feria (28), os policiais civis investigavam uma rota de envio de ecstasy de outros Estados mediante a utilização de empresas de logística e transporte rodoviário de mercadorias. Antes da entrega de uma embalagem transportada, durante vistoria realizada, foi identificado um volume suspeito que conteria alimentos oriundos do Estado do Pará com destino ao Rio Grande do Sul.

Após inspeção no interior da embalagem, a droga, avaliada em mais de meio milhão de reais, foi localizada. Ninguém foi preso. As investigações prosseguirão para identificar a responsabilidade pela remessa e a destinação da substância ilícita.

Quer receber A Folha do Litoral no seu e-mail?

Cadastre seu nome e e-mail e receba a edição semanal do jornal A Folha do Litoral para ler no seu tablet, smartphone ou na web.

I agree to have my personal information transfered to MailChimp ( more information )

Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

COMPARTILHAR