Capão da Canoa reduz mortalidade infantil em 75%

Foto: Luiz Moraes

A significativa redução é resultado de uma série de políticas públicas que foram implantadas no município

A Prefeitura de Capão da Canoa, através da Secretaria de Saúde, divulgou um
importante dado sobre o município. A taxa de mortalidade infantil foi reduzida em
75% no comparativo entre os anos de 2018 e 2017. Em 2017, foram 16 óbitos infantis,
caindo para quatro em 2018.
O Prefeito de Capão da Canoa, Amauri Magnus Germano, afirma que é uma conquista
importante para o município. “Seguiremos, junto com toda nossa equipe, na constante
busca para alcançar sempre os melhores índices em todas as áreas, em especial na
saúde”, destaca.
A taxa de mortalidade infantil é apontada como um dos índices mais importantes para
avaliar o desenvolvimento de uma região. É um indicador social que demonstra a
qualidade dos serviços de saúde, saneamento básico e educação ofertados à
população. Para o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), o Brasil é uma das
nações que mais têm se destacado em solucionar esse problema.
O Secretário de Saúde, Mauro dos Santos, reforça o compromisso da gestão na
melhoria da saúde pública. “Lidamos, diretamente, com a vida das pessoas, por isso
todo o nosso empenho e dedicação para melhorar a cada dia”, reflete.

Matéria: Bernardo Zamperetti

Quer receber A Folha do Litoral no seu e-mail?

Cadastre seu nome e e-mail e receba a edição semanal do jornal A Folha do Litoral para ler no seu tablet, smartphone ou na web.

I agree to have my personal information transfered to MailChimp ( more information )

Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

COMPARTILHAR