Inovação é campeão em Maquiné

Em uma partida muito equilibrada, o Inovação precisou disputar as penalidade para derrotar o Prainha

Um grande público compareceu ao Estádio Municipal Solon Lemos Padilha “Padilhão” em Maquiné na tarde deste domingo, 29.10, por ocasião da finalíssima do campeonato municipal. O evento marcou a reabertura desta importante praça de esportes desativada há algum tempo, mas recuperada pela atual administração, que tem a frente o prefeito João Marcos Bassani dos Santos. Em campo, o Inovação buscava o segundo título de sua história, por outro lado, a Prainha tinha a possibilidade de chegar ao seu quarto título. O equilíbrio foi a marca deste confronto ao longo do campeonato, 2 a 2 na fase classificatória e mesmo placar no jogo de ida das finais. Hoje não foi diferente, Inovação e Prainha novamente fizeram um jogo bastante equilibrado em que o título poderia ficar com qualquer uma, que não seria injustiça. Com poucas chances de gol de ambas as partes ao longo dos 90 minutos, o jogo terminou em 0 a 0, e a decisão se encaminhou às penalidades. Neste quesito, o Inovação mesmo desperdiçando a primeira cobrança através de Rafinha, levou a melhor, Galilei, Lucianinho e Pintinho marcaram para o Inovação. João Paulo, Henrique e Edinho desperdiçaram para a Prainha. Final nas penalidades: Inovação campeão 3×0 Prainha.

Classificação final
Campeão: Inovação
Vice-campeão: Prainha
Equipe mais disciplinada: Cruzeiro
Goleador: Paulinho do Inovação com 07 gols
Goleiro menos vazado: Rafinha do Inovação com 06 gols sofridos
Atleta revelação: Gabriel do Atlético Maquinense
Dirigente destaque: Zezinho do Inovação
Melhor treinador: Leonardo Prates da Prainha

Ficha técnica

Local: Estádio Solon Lemos Padilha “Padilhão” – Maquiné.
Data: 29 out (Domingo).
Horário: 16h00.
Árbitro: Claiton Timm.
Assistentes: Renato Domingues e Natan Borges.
Cartões amarelos: Wiliam, Pintinho, Xinga, Jarbas e Pelé (Inovação); Edinho, Dudu, João Paulo e Henrique (Prainha).

Escalações:

Inovação: Rafinha; Wiliam, Diego Lessa, Galilei e Andrei (Juliano); Xinga, Pintinho, Lucianinho e Bolinha (Diego); Paulinho (Jarbas depois Pelé) e Carruira (Eliseu). Técnico: Zezinho.

Prainha: Thiago Deken; Edinho, Gilson, Davenir e Lucas; Marco (Dudu), João Paulo, Thiago e Henrique; Flavio (Tales) e Duda. Técnico: Leonardo Prates.

Texto: Ariovaldo dos Santos

 

COMPARTILHAR