Conmebol confirma cancelamento da final da Libertadores

Presidente do Boca Juniors deu entrevista após o adiamento da final da Libertadores JAVIER GONZALEZ TOLEDO / AFP

O presidente da Conmebol, Alejandro Dominguez, afirmou que a final da Libertadores 2018, entre River e Boca Juniors , não acontecerá neste domingo(25). Uma reunião está marcada para terça-feira(27) com os dois clubes às 10h, em Assunção, na sede da entidade para definir uma nova data.

O presidente do Boca Juniors, Daniel Angelici, anunciou que apresentou um pedido para o Tribunal de Disciplina da Conmebol punir o River Plate  com base do artigo 18 do Regulamento Disciplinar.

Angelici disse em coletiva de imprensa que aguarda uma decisão do Tribunal,”que é autônomo” da confederação sul-americana de futebol.

— Esperamos que (o Tribunal) revise sobre o expediente de 15 folhas que apresentamos com todos os relatórios médicos e policiais do que aconteceu — disse Angelici.

O técnico do Boca Guillermo Barros Schelotto também participou da coletiva, destacando que seus jogadores “não estavam em condições de jogar nem sábado nem hoje(25).

— Estávamos claramente em desvantagem esportiva. Tentei que a situação não superasse a concentração no jogo, mas era inevitável, estávamos desfocados ontem e estamos hoje — acrescentou.

Pelo jeito a final dos sonhos da Conmebol está longe de ter fim.

Quer receber A Folha do Litoral no seu e-mail?

Cadastre seu nome e e-mail e receba a edição semanal do jornal A Folha do Litoral para ler no seu tablet, smartphone ou na web.

I agree to have my personal information transfered to MailChimp ( more information )

Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

COMPARTILHAR